quarta-feira, 19 de julho de 2017

REUNIÃO NO MINISTÉRIO PÚBLICO COM MÃES DA E.M BAIRRO ALMERINDA

         Na segunda-feira (17/07) , a direção do SEPE SG , junto com a representante do FUNDEB, Tânia Correia acompanhou a audiência no MP solicitada por representantes de responsáveis da E. M Bairro Almerinda. As responsáveis durante a audiência, denunciaram o rodízio de profissionais que tem atuado na turma do 2º ano da tarde, devido a carência de professor na mesma. Foi relatado que além do 2º ano, há carência na turma do Pré I, no mesmo turno.
          No início do ano,  a turma ficou em casa nas 2 primeiras semanas e ao retornarem estudavam apenas em meio período. Para piorar a situação, no final de abril os alunos passaram a estudar somente 3 vezes na semana, e mesmo assim com horário reduzido (segunda, quarta e sexta).
         Foi relatado também , que as terças e quintas alguns alunos estão tendo aula de reforço na Associação de moradores, devido a omissão do Governo Municipal em garantir o profissional da Educação a todos os alunos da rede. 
       O Sindicato parabeniza as  responsáveis dessa Unidade de Ensino, que não estão se omitindo ao direito à Educação dos seus filhos e reconhecem no espaço escolar, um lugar importante para a formação dos seus filhos.   


REDE MUNICIPAL : REUNIÃO COM O NOVO SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO: PROFESSOR JOSÉ AUGUSTO

No dia 18/07 a direção do SEPE SG se reuniu com o novo Secretário de Educação Professor José Augusto para apresentar nossa pauta de reivindicações e detalhar todos os itens. Claro que apontamos como prioritário o cumprimento da lei 11738 ( piso e carga horária) e a eleição de diretores. O novo Secretário vai estudar a pauta e no dia 2 de agosto teremos nova audiência antes da assembleia. Garantiu a liberação do ponto para os participantes do seminário sobre plano de carreira que o SEPE/SG está organizando para o dia 15 de agosto, autorizando a divulgação do abono de ponto.  A SEMED estava bastante movimentada hoje com a troca da equipe. Esclarecemos que os profissionais da educação seguem em sua campanha salarial e que a mudança de Secretários não deve servir como desculpas para a Prefeitura não avançar nas negociações. Lembramos da assembleia dia 2/08 às 16h , com redução de carga horária em todos os turnos..  Vamos nos organizar e discutir nossas formas de luta.





Plenária do Fórum contra as reformas de Temer será realizada nesta quarta-feira (dia 19/7)

Nesta quarta-feira (dia 19/7), será realizada uma plenária do Fórum contra as reformas de Temer. O evento será realizado no Sindpetro (Av. Passos, 34 - Centro) e tem por objetivo debater a continuidade da lutas contra as reformas do governo Temer e pelo Fora Temer!

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Sepe Central distribuirá cestas básicas nessa terça


O Sepe informa que irá distribuir cestas básicas nessa terça-feira (18) aos aposentados da educação e servidores do estado que não estejam recebendo os salários.


As cestas serão distribuídas na sede do Sepe Central (Rua Evaristo da Veiga, 55/7º andar), a partir de 10h, com apresentação do contracheque e documento de identidade.



O Sepe também está recolhendo doações de itens de cesta básica (alimentos não perecíveis) que podem ser entregues no mesmo local e nas sedes dos núcleos e regionais.



Na terça, alguns aposentados vão estar presentes na distribuição das cestas e mostrarão as receitas dos remédios que eles não estão conseguindo comprar por não receberem os salários em dia.




sexta-feira, 14 de julho de 2017

ASSEMBLEIA REDE ESTADUAL 12/08


Leia o boletim especial do Dept. Jurídico

Já está no nosso site o PDF do boletim especial do Departamento Jurídico do Sepe - clique aqui para ler, baixar e compartilhar.

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Atendimento jurídico:

Estaremos retornando o atendimento jurídico a partir do dia 31/07, com a estagiária Maryelly Duarte, nos seguintes horários:

Segunda-feira: das 13:30 às 17:30
Terça- feira    : das 9:00  às  12:00
Quarta - feira : das 13:30 às 17:30
Quinta - feira : das 10:00 às 15:00
Sexta - feira   : das  13:30 às 17:30




REDE MUNICIPAL

O POVO QUER SABER!

Com a saída do secretário de Educação, Diego Sampaio, algumas perguntas pairam no ar: Qual teria sido o motivo da exoneração? e Será que a razão da exoneração é a mesma que leva a cidade ao caos?

Queremos deixar bem claro que não estamos defendendo A ou B, mas afirmamos que,  não adianta trocar de secretário se o prefeito não tiver compromisso com a Educação e vontade política em cumprir:
  • A Lei 11738 - resgatando a valorização do magistério
  • Concurso público - para acabar com essa relação de clientelismo
  • Eleição direta para diretor - acabar com o curral eleitoral 
  • Obras estruturais nas escolas - oferecendo um ambiente adequado a alunos e funcionários
  • Ampliação da rede- construção de creches e novas UE 
  • Merenda de qualidade - oferecer ao filho do trabalhador uma refeição de qualidade 
Estaremos nos reunindo nesta terça-feira(18/07/17) na Semed com o novo secretário de Educação para deixá-lo ciente da nossa pauta de reivindicações. 



quarta-feira, 12 de julho de 2017

CONTRA TODA E QUALQUER INTOLERÂNCIA


Companheiros:

A prática da intolerância religiosa, racial ,sexual e política tem crescido de forma assustadora . Representantes no parlamento ou nos poderes executivos tem se valido da cultura do ódio, que cresce em meio a crise econômica, para tentar elevar a intolerância ao patamar de política oficial do estado. Prática hedionda e inadmissível que tem feito inúmeras vítimas em todos os segmentos sociais.
Na educação somos vítimas de governos truculentos que não admitem a organização e a luta dos profissionais da educação nem dos estudantes. Repudiamos os ataques sofridos recentemente por nossas companheiras Rose ( Caxias) e Zezé ( Belford Roxo) por parte do poder local. Lutamos contra o projeto ESCOLA SEM PARTIDO, exemplo de projeto fascista para a educação e que há pouco tempo fez como vítima a professora Valéria Borges da rede Estadual em Niterói, que foi denunciada pelo vereador Carlos Jordy do (PSC). Também repudiamos o recente ataque ao professor Pedro Mara , diretor eleito de escola da rede estadual, por parte de mais um representante parlamentar do projeto Escola sem partido, pertencente ao clã dos Bolsonaros.
Não podemos aceitar a constante produção de vítimas por parte dos defensores da truculência como método e da intolerância como política.
Às vítimas, toda nossa solidariedade militante, toda canalização de nossas energias na construção das lutas contra o autoritarismo, a intolerância , a perseguição, à tentativa de nos calar.!!

SEPE/SG na luta sempre!!!



terça-feira, 11 de julho de 2017

Veja o calendário aprovado na assembleia da rede estadual do dia 08/7

Os profissionais da rede estadual realizaram uma assembleia geral na ABI, no sábado (dia 08/7). Veja o que foi aprovado: 

Calendário:

- 10/7: ato na SEFAZ, a partir das 10h;

- 10/7: plenária das Centrais Trabalhistas, às 18h;

- 11/7: Ato na Alerj, dia da votação da Reforma Trabalhista, às 17h;

- 26/7: Panfletagem na Flip;

- 12/8: Manhã - Conselho Deliberativo ampliado e, à tarde, Assembleia da rede estadual.

Entre outras deliberações, a assembleia aprovou também organizar, no início do segundo semestre, um dia de protocolaço contra os descontos da greve, pelo pagamento dos 17 dias, contra a retirada de direitos e que o Sepe atue na construção da greve geral de 24 horas em agosto, participando das plenárias. Também foi aprovada campanha na internet: "Cabral e Pezão roubam o Estado e os funcionários e aposentados é que estão sendo condenados". 


Fonte: Sepe Rj

Justiça indefere liminar do sepe na ação civil pública sobre o código 61



INFORME DO DEPARTAMENTO JURÍDICO DO SEPE: O Juízo da 2ª Vara de Fazenda Pública 
da Comarca da Capital indeferiu o pedido de liminar do Sepe sobre a aplicação do Código 
61 (código de greve) nas greves e paralisações da rede estadual realizadas após o término
 da greve de 2016. Veja  os termos utilizados  na  decisão judicial para indeferir o nosso 
pedido, tendo em vista no entendimento do STF:


"O escopo da ação popular ora em comento seria evitar descontos nos pagamentos dos

grevistas pelos dias não trabalhados, matéria pacificada pelo STF em sede de Repercussão 
Geral, afirmando a possibilidade de desconto dos dias paralisados decorrentes do exercício
do direito de greve, excetuando tal redução salarial em duas hipóteses: compensação em 
caso  de acordo ou demonstração de que a greve fora provocada por conduta  ilícita do
 Poder Público, entendimento  esposado pelo RE 693456/RJ:"   e por considerar que "não
 haverá  qualquer risco ao  resultado útil do processo" caso  a sentença  julgue,  ao final,

procedente o pedido inicial.

Vale    ressaltar que a decisão, que ainda não foi publicada,   não apreciou a preliminar 

requerida  de mediação obrigatória, conforme   estabelece o novo Código de Processo 
Civil,   nem   tampouco apreciou o pedido   de suspensão dos efeitos da aplicação do

 Código  30   até o julgamento final da ação, a fim de evitar maiores danos à categoria.

Diante disso, o Sepe vai ingressar com os devidos embargos de declaração,  a fim de

 suprir as omissões e contradição da decisão, uma vez que, como o próprio Juízo já 
reconheceu na referida decisão, a ação trata de greves/paralisações da rede estadual 
de Educação e não da falta ao trabalho, razão pela qual deve ser suspensa a aplicação 
do Código 30 até julgamento final.

Fonte: Sepe Rj

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Veja o calendário aprovado na assembleia da rede estadual do dia 08/7


Os profissionais da rede estadual realizaram uma assembleia geral na ABI, no sábado (dia 08/7). Veja o que foi aprovado: 

Calendário:

- 10/7: ato na SEFAZ, a partir das 10h;

- 10/7: plenária das Centrais Trabalhistas, às 18h;

- 11/7: Ato na Alerj, dia da votação da Reforma Trabalhista, às 17h;

- 26/7: Panfletagem na Flip;

- 12/8: Manhã - Conselho Deliberativo ampliado e, à tarde, Assembleia da rede estadual.

Entre outras deliberações, a assembleia aprovou também organizar, no início do segundo semestre, um dia de protocolaço contra os descontos da greve, pelo pagamento dos 17 dias, contra a retirada de direitos e que o Sepe atue na construção da greve geral de 24 horas em agosto, participando das plenárias. Também foi aprovada campanha na internet: "Cabral e Pezão roubam o Etgado e os funcionários e aposentados é que estão sendo condenados".